Uma renovada proposta editorial e um novo plano de negócios

Nas duas edições que antecederam este número 52, este espaço “ao leitor” já alardeava sobre o vasto acervo de informações especializadas sobre Minas Gerais produzido (ao longo de quase duas décadas) para esta Revista Sagarana — Turismo e Cultura em Minas Gerais e também para os outros produtos assinados pela Veredas Editora e Jornalismo Especializado.

Nunca é demais lembrar que esses produtos — todos consagrados pela impecável qualidade gráfica e editorial, em edições sofisticadas e de alto requinte — são os livros “As muitas e a vastidão dos Gerais” (a publicação pioneira da Veredas na linha de livros de arte), “Minas de tantos Geraes – volume 1” e “Minas de tantos Geraes – volume 2”.

Essas obras reúnem cerca de 960 páginas, com mais de 660 espetaculares ensaios fotográficos, além de textos em português, inglês e espanhol (idioma incluído no volume 1).

Há ainda uma edição produzida especialmente para o mercado europeu (uma reedição do volume 1), com textos em português lusitano, inglês e espanhol.

Na edição anterior a esta, também foi informado, neste mesmo espaço, que “o acervo deste vasto conteúdo especializado em Minas Gerais foi ampliado com o lançamento do ‘Guia de Minas Gerais — Todos os caminhos de muitas descobertas’, produzido e editado sob encomenda da Secretaria de Estado de Turismo de Minas Gerais”.

Foram publicadas três diferentes edições do “Guia de Minas Gerais”: uma em português, outra em inglês e mais uma espanhol. Cada edição tem 162 páginas, 180 fotografias e informações sobre todos os atrativos turísticos de 58 municípios de Minas Gerais, além de Belo Horizonte e de parques nacionais e estaduais.

Para completar o portfólio das mais recentes grandes produções, em 2016 foi produzido e editado mais um número — a quarta edição — da “Estrada Real em revista” — uma publicação que, com muito orgulho, nos é confiada pelo Instituto Estrada Real e pela Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg).

O fato de mais uma vez descrever aqui, em detalhes, a existência dessas publicações — que, com exceção da obra pioneira, foram produzidas e editadas ao longo dos dois últimos anos — é plenamente justificado pela necessidade de esclarecer sobre o inestimável valor do acervo produzido pela Veredas Editora e Jornalismo Especializado. Isso graças ao profissionalismo, à competência e à dedicação de uma grande (em todos os sentidos) equipe — é sempre fundamental deixar esse registro aqui, nestas páginas.

Pois bem: todo esse acervo vai ser colocado a serviço de um “novo” plano de negócios e de uma também renovada proposta editorial.

O plano de negócios é chamado de “novo”, pois será totalmente direcionado ao universo da web. Vem aí o novo site www.revistasagarana.com.br, que não só abrigará esse precioso acervo — simplesmente não há conteúdo maior com tamanha qualidade, além, é claro, de beleza e sofisticação — sobre Minas Gerais, como também virá repleto de novidades que, evidentemente, incluem uma muito bem fundamentada proposta mercadológica. Dentre as novidades, as edições “Sagarana Brasil afora” e “Sagarana volta ao mundo”, dirigidas ao público consumidor de viagens e turismo. A primeira mostra os mais belos destinos da Bahia, e a outra desvela incríveis destinos da Península Ibérica. A Estrada Real também ganha uma seção exclusiva, com a reprodução de todo o conteúdo já produzido sobre esse que é um dos mais famosos roteiros do Brasil. O internauta que navegar pelo sítio desta Sagarana ainda terá ao seu dispor um amplo e diversificado “Guia de hotéis, hotéis-fazendas e pousadas”.

Dos produtos de mídia impressa, esta Sagarana, um veículo assumidamente atemporal, por priorizar sempre a alta qualidade gráfica e editorial (nunca é demais repetir e insistir), tem o objetivo de ampliar a linha editorial (e, é claro, o número de páginas), o que significa publicar mais ensaios e reportagens.

Porém, a versão impressa, a partir deste ano de 2017, se transformará em um luxuoso complemento da versão da web www.revistasagarana.com.br — tanto na proposta editorial quanto nas propostas mercadológicas. É importante salientar que todo esse universo digital hospedado no sítio desta Sagarana vai ser constantemente movimentado (em muito maior proporção que a que ocorre hoje) nas networks Facebook, Instagram e Twitter.

Outra grande novidade diz respeito ao “Guia de Minas Gerais”: esse produto está sendo ampliado, com a inclusão de novos municípios, outras unidades de conservação (com a cobertura de todos os parques nacionais e ainda mais parques estaduais) e ganha o nome de “Guia Sagarana de Minas Gerais”. Será um produto com periodicidade anual, cujo plano de negócios será devidamente apresentado ao mercado. Ainda em 2017, entra no ar um site exclusivo para este Guia Sagarana.

Também já está em pré-produção o livro “Minas de tantos Geraes – volume 3”, uma obra mais aprimorada e ambiciosa, tal qual é a vontade de trabalhar, fazer, acontecer e tornar realidade cada projeto — uma característica em comum de cada profissional que integra uma equipe tão dedicada e coesa.

Mais um exemplo de tamanha competência, sem falsa modéstia, está estampado nas páginas a seguir, que formam esta edição 52 de Sagarana. Boa leitura e bom divertimento, prezado leitor.