A arte de um fotógrafo estradeiro

 

A memória imagética do bioma cerrado e do sertão mineiro, lapidou a vocação de Tom Alves como um escultor das mais belas imagens não só da natureza pelo mundo afora — como também da cultura popular —, que é retratada, porém, com lentes amplas e vastas, em um sentido universal da fotografia.

Portal de internet e revista sobre turismo, cultura e natureza em Minas Gerais – Portal E Revista De Turismo Em Minas Gerais, Portal E Revista De Turismo Em Minas Gerais, Minas Gerais, Belo Horizonte Mg

Por Cezar Félix/Fotos Tom Alves

Tom Alves é um fotógrafo de viagem, um “estradeiro”, e segue esculpindo a arte dele por meio da produção “de uma fotografia documental, de lugares, culturas, natureza e vida selvagem”, como diz ele.

Não foi à toa que o fotógrafo mineiro, nascido em Belo Horizonte, criou — junto com a esposa, Nataja Vidal, também fotógrafa — a Travessia Expedições, há cerca de 10 anos em plena atividade. Tom sintetiza a proposta da Travessia: “nós percebemos que, além de aprimorar na fotografia, as pessoas desejam conhecer novos lugares e vivenciar um turismo de experiência. Percebemos essa oportunidade a partir do olhar fotográfico, que só o fotógrafo capaz de perceber”, argumenta ele.

A proposta, de muito sucesso, aliás, é realizar, segundo Tom, “uma viagem mais contemplativa, sem pressão, com mais calma, porém sempre observando as questões relacionadas à luz e à assessoria fotográfica”. O fotógrafo “estradeiro”  esclarece que é necessário promover  a integração entre a fotografia, o turismo e as as pessoas, de modo a “encurtar esse processo de fazer fotos, levando o olhar e a experiência de profissionais para quem não não é profissional, mas que ama a fotografia”.

Ensinar a fotografar

Tom Alves explica que “diferentemente de outras propostas de viagens, nós não levamos uma pessoa apenas para fotografar, nós ensinamos ela a fotografar. Nós trabalhamos, cuidamos e nos dedicamos para que todos façam boas fotos. Por isso mesmo, é que levamos as pessoas para onde nós conhecemos, onde temos intimidade, para buscar a melhor luz e dar as melhores condições”.

Outra questão importante destacada por Tom é que a Travessia Expedições cuida de toda a logística necessária a uma boa viagem turístico-fotográfica: “temos a preocupação de escolher hospedagens confortáveis, bons restaurantes e transporte de qualidade. É sempre um grande desafio, mas somos especialistas nesse trabalho”.

Tom Alves iniciou a carreira como fotógrafo  profissional em 2008. Ele, que na infância tinha o costume de acompanhar os pais em viagens para as regiões do cerrado mineiro, na bacia do São Francisco, manteve o hábito de viajar e fazer trilhas na natureza, desta feita com uma câmera na mão. “Me apaixonei pela fotografia e estudei, evolui e fiz reportagens fotográficas sobre turismo, cultura popular, além de promover workshops”.

Fotógrafo de viagens

Nesta jornada, ele assinou fotografias em reportagens publicadas em importantes veículos como as revistas de bordo das companhias Gol, Azul e Copa Airlines e também nas revistas National Geographic, GoOutside, Horizonte Geográfico, Viagem e Turismo e nesta Revista Sagarana.

Atualmente, Tom Alves e Nataja Vidal seguem em plena atividade nos trabalhos com a Travessia Expedições — apesar dos sérios percalços e grandes dificuldades provocadas pela pandemia. No mês de julho de 2021, com a melhoria do cenário pandêmico, eles viajaram para uma espetacular expedição para Masai Mara, no Quênia, África — um destino já bem conhecido pelo casal de expedições anteriores.

Todavia, para 2022, segundo Tom, o Brasil é o foco principal da Travessia. Estão agendadas viagens para destinos como o Vale do Catimbau, no Parque Nacional do Catimbau, localizado no sertão pernambucano; para os sertões do Cariri paraibano e de Antônio Conselheiro e Padre Cícero, na Bahia; para o Pantanal, Lençóis Maranhenses, Alter do Chão (PA) e para as serras da Capivara e das Confusões no Piauí. Destinos de Minas Gerais como Diamantina, regiões da Serra da Espinhaço e do circuito do ouro também constam da agenda.

“Nós gostamos muito de levar as pessoas para conhecerem o Brasil. O brasileiro não conhece o país em que vive. Nós precisamos mostrar as belezas da nossa terra, principalmente para que as pessoas compreendam que é fundamental conservar as nossas riquezas naturais”, argumenta o fotógrafo estradeiro”.

No sítio www.travessiasexpedicões.com.brestão registradas todas as expedições programadas pra 2021 e 2022, incluindo destinos internacionais como Vietnã, Namíbia e Guatemala.

 

 

 

 

Comments are closed.

Parceiros